Clealco

 

Notícias

Cares e Centro Cultural Kenkiti Kimura

Produtos

Trabalhe conosco

Linha do Tempo Clealco

04 de Dezembro

A Fundação do Grupo Clealco ocorreu em 1980
Leia mais
No final da década de 70, o petróleo, matriz energética que o Brasil importava, passava por uma crise. O preço do barril subia constantemente, gerando incertezas na economia nacional. Para acabar com a dependência de importações, o Governo Brasileiro lançou o projeto de plantio da cana-de-açúcar para a produção do álcool combustível. A partir disso políticos, pecuaristas e agricultores apostaram na nova atividade de geração de energia renovável, o etanol, na região de Clementina. Eles formaram uma associação para reunir terras para o plantio de dois mil alqueires e viabilizar a construção de uma usina.

05 de Dezembro

Em 5 de dezembro de 1980, a Clealco foi formalmente constituída
Leia mais
No dia 5 de dezembro de 1980, reuniram-se os acionistas em assembléia geral, constituindo formalmente a Clealco. Em 11 de janeiro de 1981, foi aprovado o Projeto pelo CENAL (Conselho Nacional do Álcool). Logo depois, começaram as obras da destilaria. 

04 de Abril

A moagem da primeira safra do Grupo Clealco ocorreu em 1983
Leia mais

A moagem da primeira safra do Grupo Clealco ocorreu em 1983. A criação da usina proporcionou empregos diretos e indiretos para Clementina e 26 municípios da região. 

04 de Maio

Em 1985, o Grupo Clealco inaugurou o Cares
Leia mais
Em 1985, o Grupo Clealco inaugurou o Cares – Clealco Associação Recreativa, Esportiva e Social. O espaço, destinado exclusivamente para colaboradores e dependentes da empresa, possui atualmente uma ampla área de lazer, com salão de festas, piscinas, quiosque, playground, quadra de tênis e campos de futebol.

06 de Junho

Sicle é um sistema interno que integra as informações do Grupo
Leia mais

Para ter controles gerenciais, tais como custos, orçamento, fluxo de caixa e produção em tempo real, o Grupo Clealco instituiu em 1999 o Sicle – Sistema Integrado Clealco, que é aprimorado a cada safra para facilitar a integração, divulgação e transparência dos dados da empresa.

01 de Janeiro

Implantação da segunda unidade, a Clealco Queiroz
Leia mais

O excelente desempenho da unidade de Clementina e a expansão do mercado sucroenergético no Brasil foram fatores decisivos para a implantação da segunda unidade, a Clealco Queiroz.  

Para expandir a atuação geográfica do Grupo, acionistas e diretores decidiram viabilizar a nova unidade. Antes da implantação o Grupo fez diversas pesquisas na região, buscando terrenos com solos adequados e boa logística para o cultivo da cana-de-açúcar.

A opção pelo município de Queiroz foi devido ao fácil acesso às principais rodovias do país. As obras da nova unidade começaram em março de 2003. No segundo semestre de 2006, a usina entrou em operação.

10 de Dezembro

Grupo Clealco adere a protocolo que põe fim a queima da cana-de-açúcar
Leia mais

Em dezembro de 2007, o Grupo Clealco aderiu ao Protocolo Agroambiental do Estado de São Paulo, que antecipa os prazos legais paulistas para a eliminação da prática da queima, de 2021 para 2014 nas áreas onde já é possível a colheita mecanizada e de 2031 para 2017 nas áreas em que não existe tecnologia adequada para a mecanização.

20 de Novembro

Espaço voltado para a profissionalização é inaugurado
Leia mais

Em novembro de 2009, o Grupo Clealco inaugurou o Centro Cultural Clealco – Kenkiti Kimura, um investimento que custou cerca de dois milhões de reais.

O espaço voltado exclusivamente para a profissionalização possui 3.300 m² e é composto por salas de treinamentos, um anfiteatro com capacidade para 260 pessoas, sala de informática e biblioteca.

01 de Marco

Clealco inicia venda de excedente de energia
Leia mais

A cogeração de energia no Grupo Clealco, acontece na segunda unidade, Queiroz. Em março de 2010 a empresa foi autorizada pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) a exportar cerca 100 mil MWh de energia ao sistema elétrico nacional.

A cogeração de energia é conseguida por meio da queima do bagaço da cana-de-açúcar, resultante do processo de moagem da cana, nas caldeiras.

30 de Julho

Homenagem à memória do Sr. Arlindo Pizzo
Leia mais

Acionistas, diretores, colaboradores e parceiros do Grupo Clealco inauguraram, no dia 30 de julho de 2012, o “Pórtico Clealco – Arlindo Pizzo” na via de acesso da primeira unidade da empresa em Clementina.

O momento foi organizado pela direção do Grupo com o objetivo de homenagear à memória do senhor “Arlindo Pizzo”, um dos principais fundadores da Clealco e antigo dono da fazenda onde a sede da empresa foi construída.

26 de Novembro

No dia 26 de novembro, a Clealco exportou etanol pela primeira vez. O produto foi enviado ao Japão.
Leia mais
O Grupo Clealco fez sua primeira exportação de etanol no dia 26 de novembro. 5.250 m³ do produto foram embarcados para o Japão no navio Navig8 Axinite.
O principal objetivo do negócio, realizado com uma trade japonesa, é a abertura de um novo mercado para a comercialização dos produtos da Empresa.
A expectativa é que na safra 16/17 o volume exportado de etanol seja igual ou maior ao registrado na safra atual.

Unidades

Clementina

Clementina

CNPJ: 45.483.450/0001-10

Inscrição Estadual: 267.000.797-110

Endereço: Rod. SP 425 Entronc. Rod. SP 463, km 01 - Industrial

Tel: +55 18 3658-9000

Fax: +55 18 3658-9039

Queiroz

Queiroz

CNPJ: 45.483.450/0021-64

Inscrição Estadual: 566.051.683-117

Endereço: Fazenda Pouso Alegre, Zona Rural

Tel: +55 14 3458-9208

Fax:

Penápolis

Penápolis

CNPJ: 45.483.450/0002-00

Inscrição Estadual: 521.070.020-111

Endereço: Rod. SP 419 - Raul Forchero Casasco, Km 6

Tel: +55 18 3658-9008

Fax:

Selos e certificações Clealco

Abrinq
Copyright © 2014 - CLEALCO AÇÚCAR E ÁLCOOL S.A. Todos os direitos reservados.

projeto: | Empresa do grupo